Luciano Cincurá
Concluiu sua graduação em Odontologia pela Universidade Federal da Bahia em 2003 e em Administração Hospitalar pela Faculdade São Camilo em 2001.

Após sua formação em Odontologia, ingressou no Mestrado de Odontologia pela Universidade Federal da Bahia, desenvolvendo pesquisas na área da cirurgia maxilofacial e imunologia.

Em 2007 ingressou na residência de Cirurgia e Traumatologia Bucomaxicilofacial l das Obras Sociais Irmã Dulce em tempo integral até o ano de 2010.

Doutor em Imunologia pelo Instituto de Ciências em Saúde da Universidade Federal da Bahia, atualmente é professor adjunto da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia, cirurgião Bucomaxilofacial do Hospital Geral de Vitória da Conquista e atua em diversos hospitais da Bahia e clínica privada.

Norma Eliete - Quem o influenciou a fazer Odontologia?
Luciano Cincurá – Venho de uma família de muitos profissionais da área de saúde. Sempre tive uma afinidade por essa área, mas a Odontologia, especificamente, foi uma escolha repentina. Decidi de última hora, no momento das inscrições dos vestibulares da UFBA e UEFS, que eram as únicas universidades que ofereciam o curso naquele momento na Bahia.

NE – Como foi o seu início na profissão?
LC – Como a maioria dos recém formados, muito difícil. O caminho foi de muito estudo e muito trabalho, duas coisas que o profissional nunca deve abrir mão. Logo que me formei entrei no mestrado, já trabalhava com pesquisas científicas na graduação e meu pai me influenciou muito na docência. Depois veio especializações, residência e doutorado. Muito esforço, mas graças a Deus tudo em seu devido tempo.

NE – Qual foi o seu caso mais difícil? E um que tenha sido mais gratificante.
LC – Eu amo o que faço. Deus me deu a oportunidade de me realizar profissionalmente através da Odontologia. A cirurgia Bucomaxilofacial é uma especialidade odontológica que grande parte da população desconhece. Tratamos pacientes politraumatizados, com fraturas graves em face, pacientes com deformidades faciais congênitas e/ou adquiridas bem como alguns tipos de lesões e outras situações clínicas específicas. Em todo ramo da especialidade temos alguns desafios. Os casos mais difíceis são os tratamentos de algumas lesões em face que requerem um planejamento extenso, demorado e que depende de inúmeras variáveis para se obter um resultado de excelência.

Já o que mais me motiva é a satisfação e reconhecimento dos pacientes. Por isso, eu diria que os casos mais gratificantes são aqueles que proporcionam a mudança de vida do paciente. Pacientes portadores de alterações nos ossos da face, que têm dificuldade de mastigar, falar, respirar, pessoas que não saem de casa com vergonha. Se o nosso trabalho consegue ajudar a melhorar a qualidade de vida dessas pessoas, isso me deixa muito feliz!!

NE – Quais são seus autores preferidos na profissão?
LC – Cada especialidade tem seus autores de referência, nacionais e internacionais. Dentro da cirurgia Bucomaxilofacial temos as subespecialidades. Na cirurgia oral menor (aquelas realizadas no próprio consultório sob anestesia local) temos extrações, alguns tipos de enxertos ósseos, implantes, etc. Na cirurgia oral maior (realizadas em ambiente hospitalar) temos cirurgia ortognática, cirurgia da articulação têmporo mandibular, cirurgia de patologias, reconstruções ósseas extensas, traumas de face, dentre outras. Para cada uma destas áreas temos autores que são referência.

NE – Para você, o que é sinceridade?
LC – Sinceridade é ser verdadeiro. Acho que em tudo que fazemos em nossas vidas temos que prezar pela verdade. Isso é a base para uma boa relação entre as pessoas.

NE – Porque escolheu a área de Bucomaxicilofacial?
LC – É uma especialidade cativante. Muito bela!!! Os campos de atuação são vastos e o resultados surpreendentes. Isso pesou na minha escolha.

NE – Um momento importante da sua vida.
LC – Tive muitas vitórias em minha vida. Muitos momentos de alegria. Cada etapa teve seu devido valor, sua importância. Eu diria que o mais importante foi o nascimento da minha filha.

NE – Sei que está instalando o seu consultório em Vitória da Conquista. O que acha da nossa cidade?
LC – É uma cidade excelente para se viver. Conheci Conquista através da minha esposa que é natural daqui, e há cinco anos venho semanalmente para a região, pois ensino na UESB campus Jequié e trabalho no Hospital Geral de Vitória da Conquista. Então, já há algum tempo pensávamos em vir morar aqui e esse ano tudo se encaminhou. Conquista é uma cidade que vem crescendo muito nos últimos anos, com oportunidades em diversas áreas e as pessoas são muito receptivas. Tenho feito bons amigos aqui. Meu sócio, amigo e colega de Universidade Dr João Milton me incentivou na instalação da Clínica Salute, e a partir de setembro, se Deus quiser, estaremos neste novo local.

NE – O que faz ser tão dedicado aos seus pacientes?
LC – Norma, eu acho que quando nos propomos a fazer algo temos que fazer o melhor. Meus pacientes são pessoas que estão depositando confiança em mim para que eu os ajude, de alguma forma. Por isso, tenho que dar meu máximo para corresponder às suas expectativas. Acho que o amor a profissão e ao próximo são ingredientes de uma boa receita.

NE – A que atribui o seu sucesso profissional?
LC – Obrigado pelo elogio Norma. Mas acredito que toda conquista é consequência do que a gente constrói ao longo da vida. Apostei e ainda aposto no caminho de muito estudo, com atualização científica constante, muito trabalho, bom convívio com os colegas da área e áreas afins e, principalmente, respeito aos pacientes.

NE – Deixe uma mensagem ou uma sugestão para quem quer seguir esta profissão.
LC – É uma profissão encantadora, que têm como premissa, proporcionar o sorriso!! O início é difícil, mas o estudo e dedicação devem acompanhá-los sempre. Sejam éticos com seus colegas e pacientes. E tenham sempre fé em Deus. "Deus é o caminho, a verdade e a vida..."

Gostaria de aproveitar e convidar os colegas da especialidade e cirurgiões dentistas interessados a participarem da 7a Jornada Baiana de Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial que acontecerá nos dias 29 e 30 de agosto pela primeira vez em Vitória da Conquista. Este evento contará com a participação de renomeados profissionais nacionais e internacionais.



Publicidade

  • slide1
  • slide2
  • slide3

Vídeos



  • slide1
  • slide1
  • slide3
  • slide4